segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Eu sei

Segunda-feira, 11 de novembro de 2015.

Eu sei. Chovia forte lá fora e mesmo assim eu te deixei ir. Mesmo depois de ter discutido sobre o nada com você. Me ligaram vinte minutos depois que você saiu, e foi a pior ligação. Pista molhada, velocidade demais e dois carros. Me sinto culpada por ter deixado você ir sozinho, gostaria que fosse eu no seu lugar. Todos sabem que a culpa é minha, ou pelo menos deveria ser. Mas já é tarde demais. Não consigo me conectar a sua mente e pegar a sua dor pra mim sabe? Como uma garrafa vazia pega a água da chuva. Eu sei que dói. Eu sei que machuca. Mas dessa vez eu não posso te curar. Dessa vez eu não posso fazer nada.

Infelizmente não posso voltar ao passado e pegar os seus pecados como um veleiro vazio sem vida pega o vento. Não posso nem te curar da dor que te machuca e que me faz chorar. Vesti a minha melhor roupa preta pra ficar do seu lado pela última vez. Pedi para cantarem aquela música que te fazia chorar, na esperança que você voltasse. Por favor, não vai. Não sou capaz de te dizer adeus pra sempre. Por favor, fica. Por favor vem me chatear, vem pegar meu coração e segurar a minha mão, assim como talvez o oceano pega as areias. Eu ainda não passei a minha vida inteira com você. Não consegui te pedir perdão e te abraçar como sempre fazíamos depois de uma pequena discussão. Hoje eu sei, que não devo deixar ninguém sair antes de pedir o perdão. 

11 comentários:

  1. Oh, é tão triste! Mas por mais emocionante que seja, não deixa de ser lindo - e muito! Dá pra sentir a dor da personagem, aquela súplica angustiante da dor de perder alguém que ama. E as lembranças, lembranças que doem muito.
    Parabéns, eu amei o texto! Muito bom mesmo ^^

    ♡ { Barbie Pretty Sweet } ♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Liih. Fico feliz que tenha gostado. Eu realmente queria que vocês "sofressem" tal coisa. Obrigada!

      Excluir
  2. Nossa. Profundo, triste, emocionante. Gostei bastante e como disse a Liih quando li deu pra sentir a angústia da dor da personagem. Ficou ótimo!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Se eu chorei ? Claro que não, só uns rios de lágrimas no meu quarto todo aqui. (T-T) Poxa, Emy, não faz isso com minhas emoções garota. Adorei o texto, embora triste, o intrigante é que eu fui ler isso enquanto tocava a música "Saudade".

    E, assim como talvez o oceano pega as areias, eu vou pegar minhas lágrimas e tentar não chorar (T_T) e por obséquio, pedir mais textinhos e.e' ♡

    Bjs e abraços ♡
    Quatorze Sapos e X Wonderland

    ResponderExcluir
  4. Cê quer me fazer chorar fala, linda. Você me lembrou mais uma vez o meu ex. Deveria agradecer ou te repudiar? Enfim, belas palavras!

    Cinderela em transe ☯

    ResponderExcluir
  5. Ai, que dor no coração ):

    bruna-morgan.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    Nossa esse texto ficou muito profundo e emocionante. Ficou muito bom.
    Boas Festas!!!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  7. Nossa, que texto. Foram dois parágrafos só, mas a emoção fez doer em mim. De verdade.
    A situação toda em si é muito dolorosa e você usou palavras bonitas para expressar tudo. Parabéns; você realmente sabe como nos envolver com palavras.

    Beijos,
    Bi.

    - http://www.naogostodeunicornios.com

    ResponderExcluir
  8. Ai, que triste e emocionante esse texto! Eu sempre penso nessas coisas e tento não terminar o dia brigada com alguém, vai que acontece uma coisa assim, né? Adorei o texto mesmo!
    Um beijão,
    Gabs do likegabs.blogspot.com ❣

    ResponderExcluir
  9. Que texto lindo e triste...
    Por isso é necessário aproveitar os momentos ao lado de quem amamos. As vezes nos preocupamos/brigamos por coisas tão bestas sendo que a vida é um sopro. Não sabemos onde ou como estaremos daqui um minuto...
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br

    ResponderExcluir
  10. Nossa.. que pesado!!
    Tem um livro para casados que o primeiro conselho é nunca dormir sem pedir desculpas. Nunca!
    A gente nunca sabe o que pode acontecer.

    Lindo aqui
    http://minhaformadeexpressao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir